Análise de perfil e bate papo: aprenda como qualificar seus potenciais clientes

Vamos ser sinceros. Quantas vezes você agendou uma reunião, mandou uma proposta e simplesmente rezou para que o cliente aceitasse? Não precisa ter vergonha, mas acredito que isso ocorreu algumas vezes.

Você pode até estar achando que não, porém quando não existe uma análise de perfil e um bate papo focado é impossível qualificar um cliente com precisão e dessa forma acaba realmente virando sorte.

Isso gera vários efeitos negativos para seu escritório, pois você não consegue prever comportamentos e com isso fica complicado prever qual será sua receita mensal já que você não sabe ainda ao certo o que fazer para ter mais clientes.

É um mundo negro, pois você não sabe o que faz um cliente fechar com você assim como também não tem certeza do que faz ele não fechar. E se você acha que é somente pelo preço ou pelo DIY na internet, você pode estar ignorando outros fatores extremamente importantes.

Esse post / palestra é justamente para te ensinar como qualificar um cliente e finalmente ter uma previsibilidade de vendas. Essa é uma das etapas do Ciclo do Encantamento (metodologia de marketing criada pela Viva Decora para ajudar arquitetos e designers de interiores a conquistarem mais clientes) e você pode ver a palestra na íntegra no vídeo abaixo e também todos os slides no final do texto.

Conselhos que você deve seguir antes de conversar com um potencial cliente

 

Quem é o seu público?

 

Você é um arquiteto ou designer generalista? Atende qualquer tipo de mercado, classe social etc? Ou você é um especialista em determinada área e foca em ser o melhor profissional daquele segmento?

Você precisa ter claro quem você atende e com quem você se comunica.

Veja também: Tipos de arquitetos: qual o seu? Como escolher (ou mudar) sua área?

Quem você não deseja atender?

 

Esse também é um ponto extremamente relevante. Tão importante quanto você decidir qual o seu tipo de cliente é você também decidir que tipo de pessoa você não quer atender.

Uma boa forma de entender isso com clareza é você criando a sua persona.

Tenha um roteiro para a ligação

 

Esteja preparado para o contato telefônico, tenha um plano e controle a reunião. Jamais ligue para alguém de forma despreparada e “para ver no que vai dar”. Tenha sempre um propósito.

Faça boas perguntas e ouça

 

Em uma ligação ou contato com um potencial cliente é ideal que você escute por 80% do tempo e somente em 20% você fale. E quando falar, deve ser sempre sobre o tópico que você já montou no seu plano que iria abordar.

Mostre seus propósitos e diferenciais

 

Você precisa saber o porquê sua empresa existe. Se isso for claro vai ficar simples de você encantar seu cliente e também dele entender quais são seus diferenciais e por quais razões ele deveria contratar você.

9 critérios para análise de perfil e qualificação do seu potencial cliente

 

Grau de motivação e necessidade

 

O cliente realmente precisa do projeto? Ou é realmente tão complexo e completo quanto ele deseja? E ele está motivado? Vai ser um projeto para agora e que ele necessita que ocorra ou é algo que ele ainda está pensando para um futuro distante?

Recursos disponíveis

 

Ele tem o valor necessário para investir no projeto? Certamente é indelicado perguntar isso de maneira direta, mas existem algumas questões que você pode abordar de maneira indireta que te darão a resposta que você precisa, como por exemplo:

  • Você tem uma estimativa do quanto pretende investir nesse projeto?
  • O que você valoriza mais? Qualidade, atendimento ou condições de pagamento?

Motivação

 

Entenda qual a motivação do cliente. Uma obra nunca é só um projeto para ele. Muitas vezes é o sonho de uma casa, de uma empresa, de ter um filho etc.

A partir disso você pode fazer perguntas como:

  • De 0 a 10, qual a importância desse projeto para você e porque?
  • Quando você pretende realizar esse projeto?

Dessa forma, você conseguirá entender um pouco melhor quais as necessidades dele e o quais fatores mais motivariam a contratação.

Decisor e influenciadores

 

Muitas vezes você acaba não falando com a pessoa que toma a decisão final. Isso é bastante prejudicial, pois exige mais tempo seu e dificilmente essa pessoa vai vender tão bem a ideia para o decisor quanto você.

Para descobrir isso de uma maneira mais sutil você pode fazer as seguintes perguntas:

  • A decisão de contratação depende só de você ou de mais alguém?
  • Que fatores você pretende levar em consideração para decidir?

Grau de conhecimento

 

Algo que tem que ficar muito claro é que grande parte dos consumidores finais não fazem a menor ideia do que é um projeto, obra etc. Eles apenas querem aquele sonho deles realizados. O papel de mostrar o trabalho por trás disso e o valor que isso tem é seu.

Aqui, novamente, você deve usar perguntas para entender melhor o perfil desse cliente. Abaixo mais alguns exemplos:

  • Você já reformou anteriormente?
  • Como acha que eu posso te ajudar?
  • Já fez algo por conta própria?

Veja também: 10 qualidades presentes no perfil de um profissional de arquitetura de êxito

Momento da jornada de consumo

 

91% das pessoas no mercado de arquitetura e decoração estão na fase de inspiração, 6% estão ainda precisando de mais informações e somente 3% estão na fase de decisão de compra.

Normalmente estamos focando somente nos 3%, logo existe muito cliente que sequer está sabendo que você existe. E é extremamente importante você entender em qual etapa de compra está o seu potencial cliente. Abaixo mais algumas perguntas que você pode usar:

  • Você já procurou por inspirações?
  • Você já pesquisou por produtos?
  • Você tem certeza que é isso realmente que deseja? Está pronto?

Perfil Básico

 

Entenda quem é seu cliente! Alguns pontos que você deve observar:

  • Qual o tipo de projeto que ele deseja?
  • Qual a idade, rotina, hobbies dele?
  • O projeto vai ser para crianças? Pets? Idosos? Visitas?
  • Quais cores, estilos e gostos dele?

Tudo isso vai ser vital para um projeto de sucesso.

Nível de concorrência

 

Acredito que você já participou de uma concorrência e muitas vezes isso não é nada agradável. Então, dependendo do quanto seu potencial cliente está orçando com outras empresas talvez nem valha a pena você atendê-lo. Você pode fazer perguntas para descobrir isso:

  • Você está em contato com outros profissionais ou pretende fazer isso?
  • Quais serão seus critérios para escolher?

Você quer esse cliente? Você é o profissional certo?

 

Analisando todas as perguntas e respostas acima, você acha que pode atender esse tipo de cliente? Que ele tem o perfil que você consegue executar um projeto de sucesso?

Se sua resposta não for um SIM imediato não atenda esse cliente. A probabilidade de dar algum problema é gigantesca.

Exemplos de análise de perfil e qualificação de cliente

 

como-qualificar-cliente-lead-scoring

como qualificar cliente: lead scoring

 

como-qualificar-cliente-perfil-e-interesse

como qualificar cliente: perfil e interesse

Erros comuns ao qualificar um cliente

 

  • Visitar todo mundo
  • O cliente direcionar a conversa
  • Projetar no meio da reunião
  • Enviar a proposta por e-mail

Lembretes importantes ao fazer uma análise de perfil

 

  • Tenha um método, independente de qual seja
  • Pratique a escuta ativa
  • Anote tudo
  • Controle sua ansiedade

Essa etapa de Bate Papo e Análise de Perfil fazem parte do Ciclo do Encantamento, uma metodologia de 12 passos que criamos para a Viva Decora atrair mais público e conquistar mais clientes. Se você desejar ver as palestras sobre as etapas anteriores basta clicar nos links abaixo.

Veja também os slides da palestra: