Fuja do tradicional! Veja 7 formas diferentes de aplicar o drywall

Muito prático e versátil, o drywall é apontado como uma das soluções mais eficientes na construção civil por reunir excelentes características físicas e econômicas, além de componentes recicláveis e não tóxicos.

Utilizado no Brasil há mais de 20 anos, o material tem seu uso mais conhecido em paredes de ambientes interno. Porém, veremos aqui que as aplicações de drywall vão muito mais além!

Não conhece o sistema drywall? Confira os mitos e verdades sobre o que é Drywall e veja como ele realmente funciona.

7 formas de aplicar o drywall

 

  1. Forro em drywall

 

aplicacao-drywall-forro

aplicação drywall: forro em drywall

O drywall pode ser utilizado como forro, fazendo assim a função de “teto”.

Essa é uma excelente solução para situações de obra em que é preciso esconder a fiação elétrica, equipamentos e tubulações que passam pelo ambiente.

A grande vantagem do forro em drywall é que, caso seja necessário o acesso para manutenção das instalações, é possível fazê-lo por meio de um alçapão no forro, uma espécie de tampa que pode ser removida.

Além disso, se for necessário quebrar algum trecho do forro, o mesmo pode ser recomposto facilmente e voltar à situação original sem deixar marcas aparentes.

Outra situação em que o forro em drywall é bastante recomendado é quando se tem um pé-direito muito alto e deseja-se rebaixá-lo. O forro em drywall pode ser usado em todos os tipos de ambientes, inclusive em banheiros e cozinhas, sendo a solução ideal para quem busca rapidez, baixo custo e bons resultados.

  1. Para isolamento acústico

 

aplicacao-drywall-drywall-acustico

aplicação drywall: drywall acústico

Uma das maiores rejeições em relação ao uso do drywall é a ideia de que esse material não permite privacidade por não isolar sons e ruídos.

O que muitos desconhecem é que já existe um comportamento acústico diferenciado em todos os sistemas de drywall. Caso seja necessário um isolamento a mais, existem placas especiais com função de isolamento acústico, sendo uma ótima alternativa para ambientes que exigem silêncio e bom comportamento acústico, como auditórios, estúdios, salas de aula, bibliotecas, escritórios, salas de reunião, e outros.

Em comparação com outros materiais acústicos, o drywall apresenta um excelente custo-benefício e essa aplicação vem ganhando cada vez mais espaço nos projetos.

  1. Para prevenção de incêndio e isolamento de radioatividade

 

aplicacao-drywall-chapa-resistente-ao-fogo

aplicação drywall: chapa de drywall resistente ao fogo (rosa)

Apesar de erroneamente conhecido como um material frágil, o drywall pode ser utilizado para impedir o alastramento do fogo (sendo bastante recomendado para saídas de emergência ou em áreas de grande risco de incêndio, já que é capaz de “segurar” o fogo por até 90 minutos) e até mesmo para isolamento radioativo (em clínicas, salas de radiografia e exames, laboratórios, etc.).

Nas duas situações é necessário utilizar tipos especiais de drywall, no primeiro caso o drywall rosa, e no segundo, as chapas Safeboard, capazes de garantir a blindagem radiológica. A grande vantagem, além da praticidade de instalação desses materiais, é o valor relativamente baixo se comparado à outras técnicas de isolamento.

Além do isolamento acústico e a proteção ao fogo, há outros tipos de drywall com características próprias.

Além do isolamento acústico e a proteção ao fogo, há outros tipos de drywall com características próprias. Confira 7 vantagens do Drywall Knauf que vão fazer toda a diferença no seu projeto.

  1. Em áreas molhadas

 

aplicacao-drywall-banheiro

aplicação de drywall no banheiro

Também ao contrário do que muitos pensam, o drywall pode ser utilizado em áreas molhadas. Ou seja, locais de grande umidade e/ou expostos à água, sendo uma ótima alternativa para cozinhas, banheiros, e outros locais que demandem resistência à chuva e água.

Para tanto, é necessário utilizar o drywall verde, placa de drywall feita com aditivo hidrofugante, desenvolvida especificamente para esse tipo de situação.

O aditivo aumenta a resistência das placas ao contato com a água. Ainda que o drywall utilizado seja a placa verde, deve-se impermeabilizar a parte inferior das paredes (pelo menos uma até uma altura de 30cm do piso) para proteger contra a absorção da umidade.

  1. Como mobiliário: prateleiras, estantes e nichos

 

aplicacao-drywall-mobiliario

aplicação drywall: mobiliário em drywall

O drywall também pode ser utilizado para construção de itens de mobiliário como prateleiras, estantes e nichos, elementos que muitas vezes acabam por onerar o custo do projeto dependendo do material e acabamento escolhido.

Nesse sentido, o drywall se apresenta como um excelente recurso que garante, além da economia, durabilidade e resistência.

Os mobiliários em drywall podem inclusive ser uma alternativa para o aproveitamento de todo o material. Os nichos, por exemplo, poder ser feitos com retalhos ou pedaços menores de drywall, criando espaços para guardar objetos e contribuindo esteticamente para o melhor resultado do ambiente.

Além de nichos e estantes, outros mobiliários podem ser feitos em drywall, como painéis para TV, balcões e armários (de cozinha, banheiros e até guarda-roupas).

Esses móveis também podem servir como divisória entre ambientes, como por exemplo, entre uma sala de estar e uma sala de jantar.

Representando uma significativa economia de tempo e dinheiro, o orçamento do mobiliário pode ser reduzido de 40 a 60% com a solução do drywall, e ainda é possível manter a funcionalidade e a beleza dos ambientes.

Quer ver outros usos? Confira:

cta-blog-lp-drywall-knauf

  1. Como revestimento de parede

 

 

aplicacao-drywall-na-parede

aplicação de drywall em paredes

Em casos em que for necessário cobrir paredes antigas para nivelar a superfície (para possibilitar a colocação de um papel de parede, por exemplo), as placas de drywall poderão ser utilizadas como revestimento.

A grande vantagem, além do baixo custo, é que essas placas podem inclusive receber outros revestimentos, como azulejos, cerâmicas, pastilhas, texturas e outros.

Nesse caso, o assentamento deve ser executado com massa específica para garantir a aderência do produto. Materiais muito pesados necessitam de reforços de cargas  para distribuir uniformemente as cargas no montantes metálicos.

O drywall também pode ser utilizado como revestimento simplesmente com pintura, conferindo com um resultado de ótimo acabamento.

  1. Para efeitos de iluminação: sancas e rasgos no forro

 

aplicacao-drywall-sanca

aplicação drywall: sanca

Além do rebaixamento total do teto, o drywall também pode ser utilizado na execução de sancas e rasgos no forro.

A sanca é uma moldura normalmente instalada no ponto de encontro entre forro e parede. Trata-se de um elemento rebaixado em relação ao teto do ambiente, dando a sensação de um rebaixamento parcial.

As sancas podem ser lisas ou decoradas, abertas ou fechadas, e são muito utilizadas para trazerem efeitos especiais de iluminação, cumprindo assim uma função decorativa e valorizando o espaço.

Quer saber mais sobre iluminação?

São várias as possibilidades e os benefícios ao se utilizar drywall em um projeto. Mas se você quer garantir que saia tudo conforme o planejado em sua obra e evitar contratempos, vale a pena conferir também:

banner knauf

Este texto foi escrito pela Knauf, referência mundial em sistemas de construção a seco.