Como projetar banheiros de bares e restaurantes sem perder o estilo?

Investir na decoração, caprichar na iluminação, no mobiliário e na fachada do imóvel podem ser boas estratégias de projeto para garantir a vida longa de estabelecimentos comerciais como bares e restaurantes.

Indo além das estratégias de marketing e pesquisas de mercado, empresários e varejistas vem apostando cada vez mais em bons projetos de arquitetura para alcançar os resultados esperados em seus empreendimentos.

Ambiente limpo e bem organizado são requisitos mínimos para causar uma boa impressão no cliente. Porém, se o espaço ainda contar com algum diferencial, esse pode ser o grande atrativo para atrair pessoas e fidelizá-las.

Segundo estatísticas, o design apropriado do espaço de um restaurante pode incrementar em até mais de 300% o número de clientes.

Quando questionadas sobre a qualidade de suas experiências em restaurantes e bares, os banheiros são um dos itens mais citados pelas pessoas, tanto por pontos positivos e de destaque quanto em situações bastante desagradáveis. por isso é importante que esses ambientes estejam preparados adequadamente para receber seu público.

Reunimos aqui cinco pontos de atenção para o projeto de banheiros de bares e restaurantes que vão ajudar você, profissional arquiteto ou designer de interiores, a fazer as escolhas adequadas e ajudar a manter a clientela e a qualidade desses estabelecimentos.

5 dicas para projetar banheiros de bares e restaurantes

 

  1. Design diferenciado

 

banheiro-de-bares-e-restaurantes-design-diferenciado

banheiro de bares e restaurantes: design diferenciado e soluções inovadoras em estabelecimentos comerciais

O design e a ambiência também devem ser levados aos banheiros. Muitos bares e restaurantes inclusive apostam nisso como uma estratégia comercial: ostentando detalhes curiosos e criativos, o banheiro passa a ser o cartão de visita e um atrativo para clientes.

É importante, porém, que o projeto do banheiro se relacione com a linguagem de todo o restaurante, traduzindo a personalidade do lugar e do tipo de público frequentador. Deve existir uma conexão nas cores, materiais de acabamento e estilo de decoração utilizados para que o cliente não tenha a impressão de que ao entrar no banheiro, entrou em “outro lugar ou atmosfera”.

Em hipótese alguma o cliente deve sentir a sensação de que o banheiro não transparece a mesma impressão que o restante do salão, pois isso pode impactar numa percepção ruim do cliente em relação ao estabelecimento.

É como se o restante do espaço estivesse tentando “mascarar” o nível de qualidade, que não se vê nos banheiros.

As coras são muito importantes nessa hora! Veja o significado das cores na arquitetura e entenda seus efeitos no ambiente.

  1. Higiene em primeiro lugar

 

banheiro-de-bares-e-restaurantes-higiene

banheiro de bares e restaurantes: higiene deve ser priorizada em banheiros de estabelecimento comerciais

Higiene é um aspecto fundamental em estabelecimentos como bares e restaurantes, e não é só na cozinha industrial que ela deve ser demonstrada.

Banheiros sujos e desorganizados podem destruir toda a experiência de um usuário, por mais que outros itens como atendimento e serviço tenham sido nota dez.

Muitos itens de projeto podem colaborar no quesito higiene, desde a escolha das louças (nesse caso, as louças brancas levam vantagem pelo seu aspecto de limpeza) até os materiais de piso e bancada (materiais que sujam com facilidade devem ser evitados em banheiros que não receberão manutenção constante).

Outro fator muito importante em banheiros de estabelecimentos comerciais é a ventilação adequada, já que odores podem criar experiências muito desagradáveis aos usuários. Além disso, a ventilação também colabora com a higiene do ambiente evitando a proliferação de fungos.

Por isso, os banheiros devem contar com janelas bem posicionadas. Em casos de impossibilidade de ventilação natural, deve-se prever ventilação mecânica, efetuada por exaustores elétricos ou outros equipamentos.

Ainda quanto à questão dos odores, pode-se fazer uso de aromatizadores de ar. O uso de perfumes neutros são uma boa estratégia: nada como um banheiro cheiroso com a sensação de que acabou de ser limpo.

  1. Materiais e iluminação

 

banheiro-de-bares-e-restaurantes-iluminacao

banheiro de bares e restaurantes: banheiro de estabelecimento comercial

Banheiros de estabelecimentos comerciais devem ser projetados pensando numa maior durabilidade, pois deve-se evitar o custo de reformas e manutenções constantes.

Escolha materiais que apresentem maior resistência à umidade e que possuam maior durabilidade. Evite o uso de revestimentos ou materiais porosos em banheiros, pois podem acumular fungos e dificultar a limpeza.

Revestimentos cerâmicos e porcelanatos são bastante recomendáveis para os pisos e para as bancadas granito, aço inox ou compostos resinados, como silestone ou corian.

Quanto ao uso de cores, deve-se lembrar que algumas cores prejudicam a sensação de limpeza do ambiente, sendo preferíveis tons mais claros e neutros, o que não impede que outros itens de decoração ganhem destaque.

Veja mais sobre revestimentos:

banheiro-de-bares-e-restaurantes-iluminacao-diferenciada

banheiro de bares e restaurantes: iluminação diferenciada

A iluminação do banheiro também pode ser trabalhada de forma a potencializar o projeto, criando diferentes ambientações.

No caso dos banheiros femininos, é importante lembrar que a iluminação deve possibilitar o retoque da maquiagem, ponto muito valorizado em banheiros pelas mulheres.

  1. Itens especiais

 

banheiro-de-bares-e-restaurantes-acessorios

banheiro de bares e restaurantes: acessórios em banheiro de estabelecimento comercial

Alguns itens especiais podem fazer a diferença em projetos de banheiros. Muitos estabelecimentos comerciais tem investido em soluções elaboradas e sofisticadas, como sistemas eletrônicos de TV e som, que trazem uma ambientação diferenciada e uma nova experiência de uso desses espaços.

Porém, para fazer uso dessas soluções, é importante que o ambiente esteja preparado: muitas vezes, para fazer reparo ou troca dessas instalações, é preciso remover revestimentos ou pisos.

Por isso, deve-se escolher materiais que permitam a remoção e recomposição, lembrando que é interessante guardar algumas peças caso seja necessária essa troca, já que lotes diferentes podem apresentar tonalidades também diferentes.

Outro item bastante valorizado na utilização de banheiros de estabelecimentos comerciais são acessórios como cabides para bolsas, protetores de vaso sanitário, dispensers de álcool para as mãos, produtos de higiene bucal e outros. Eles contribuem para uma melhor experiência do usuário, que sente que o estabelecimento prezou pelo seu conforto.

Dispensers de papel higiênico, sabonete e papel toalha devem ser planejados de forma a atender a demanda do público e posicionados em locais que evitem que as pessoas tenham que fazer um longo percurso com as mãos pingando.

Planeje quais tipos de acessórios serão utilizados e escolha modelos que combinem com o estilo e decoração do projeto do banheiro.

Ainda não sabe quais produtos usar? Confira os catálogos de louças e metais da Deca:

cta-lp-catalogos-deca

  1. Sustentabilidade

 

Banheiros de estabelecimentos comerciais podem gerar custos pesados para o orçamento em relação ao consumo de água e energia elétrica, principalmente em locais de grande fluxo de pessoas.

Por isso, sustentabilidade é um item importantíssimo a ser contemplado no projeto dos banheiros.

Algumas soluções simples já podem contribuir fortemente para banheiros mais sustentáveis:

  • Escolha louças que apresentem controle de fluxo de descarga e utilize torneiras automáticas, que reduzem o consumo de água;
  • Utilize luminárias com sensor de presença;
  • Dê preferência ao uso de iluminação natural sempre que possível;
  • Utilize sistema de reaproveitamento de água através de captação de águas pluviais.

Gostou das dicas?

Confira também como projetar o banheiro de diversos locais:

Este post foi escrito pela Deca, maior fabricante de louças e metais sanitários do Hemisfério Sul.