Você já conhece o Silestone? Veja tudo sobre esse material super prático para cozinhas e banheiros!

Muitos não sabem, mas o Silestone é na verdade uma marca, e não o material em si. Ela foi criada pela Consentino, empresa espanhola global que produz e distribui superfícies inovadoras para o mundo do design e arquitetura. Mas devido à sua utilização em larga escala, o nome Silestone acabou sendo usado informalmente para descrever um material produzido por meio de alta tecnologia, formado por quartzo natural e outros compostos, como vidro e elementos metálicos.

As peças são uniformes, em sua maioria, com uma superfície lisa, sem irregularidades ou texturas e que reflete bastante brilho. Sua composição proporciona altíssima resistência e durabiliadde. Hoje, existem outras empresas que produzem esse material, no entanto a sua composição pode variar de um fabricante para outro.

Inovação em revestimentos e bancadas

 

Quais os materiais que podem ser utilizados como revestimentos na decoração de casas, de modo a deixá-las mais elegantes e modernas?

Respondendo a essa pergunta, a indústria da construção civil inovou e renovou, constantemente, nos últimos anos.

Essas mudanças estão combinadas com a chegada de novas técnicas e materiais industrializados que têm atraído a atenção dos clientes. Entre eles, há o limestone, o nanoglass e o famoso silestone.

Veja mais sobre outros tipos de revestimentos:

Mas o que é Silestone, afinal?

 

Silestone é, simplesmente, um dos materiais mais pedidos pelas pessoas quando se trata de personalização de ambientes.

Esse item já está à venda em mais de sessenta países do mercado mundial, principalmente nos países da Europa.

No Brasil, o silestone ainda é pouco utilizado, porém seu uso tem aumentado, ano após ano, significativamente.

o-que-e-silestone-varanda-de-area-gourmet-com-bancada-de-silestone

O que é silestone: varanda de área gourmet com bancada de silestone

silestone-cozinha-com-pastilhas-em-prata-e-bancada-de-silestone

O que é silestone: Cozinha com bancada de silestone

Ele tem sido apresentado como uma alternativa para substituição do mármore, granito e outros tipos de pedras naturais em propostas de interiores.

Porém existe uma variedade de similares que está sendo chamada erroneamente com o mesmo nome, o que confunde os clientes.

Infelizmente, essa confusão quanto ao que é e o que não é silestone pode levar os projetistas a terem sérias dores de cabeça. Isso porque cada tipo de material possui padrões de qualidade, fidelidade de cores e garantias diferentes.

Ou seja, não saber identificar o original pode acarretar um resultado final muito diferente do esperado.

Como identificar o silestone?

 

O silestone é um material fabricado com alta tecnologia, o que resulta numa pedra industrializada. Sua aparência parece até bem natural.

As peças costumam ser uniformes, de superfície lisa, sem rugosidade e com um brilho cintilante. Mas, na dúvida, é preciso verificar sua autenticidade – o que é simples. Para isso, basta olhar se no verso está impresso a marca Consentino ou Silestone.

Como é feito o silestone?

 

O representante também precisa assegurar ao projetista que o produto vendido por ele é composto de cerca de 94% de quartzo natural. Somado a isso, deve-se ter uma combinação de corantes e resina de poliéster – que faz o envelopamento das chapas através de um processo chamado Sistema de Vibrocompressão a Vácuo.

Tipos de silestone

 

Ao comparar as placas da pedra pode-se notar que há as opções mais lisas, com mais veios ou com algum tipo de granulagem. Pois bem, é que existem tipos diferentes de silestone.

Quanto aos padrões, há as peças lisas, com veios e com granulagem fina ou grossa.

Quanto às cores, são mais de cinquenta tons – como branco, creme, cinza escuro, rosa, vermelho, preto e castanho. Em relação aos acabamentos, são três os tipos mais comuns – polido, suede e volcano.

O acabamento polido é o mais tradicional. Ele tem uma superfície brilhante, os detalhes do material são mais nítidos e a peça é mais bem protegida.

o-que-e-silestone-silestone-na-cozinha

O que é silestone: silestone na pia da cozinha

o-que-e-silestone-silestone-no-banheiro

O que é silestone: silestone no banheiro

No suede a superfície é mais fosca, chegando a ser opaca. E no vulcanizado a superfície tem pequenos buracos, tornando o material poroso e texturizado – servindo apenas a propostas específicas, pois demora mais tempo para ser produzido.

o-que-e-silestone-cozinha-prata-e-branco

O que é silestone: cozinha prata e branco com bancada de silestone

O silestone é um exemplo de material que pode encantar o cliente pela sua aparência e praticidade. Quer descobrir outras formas de surpreender no seu projeto? Conheça o ciclo do encantamento e dê um UP na sua carreira:

curso ciclo do encantamento

Diferença entre silestone e limestone

 

Como dito anteriormente, o silestone é uma pedra fabricada à base de quartzo e resina de poliéster. Mas o limestone é um tipo de pedra natural calcária.

Diferente do primeiro, ela tem um toque mais aveludado, é mais porosa e não possui muito brilho. Ela também pode ser empregada nos interiores, mas muitos artistas a usam em monumentos de praças, fachadas de edifícios, muros, entre outras superfícies.

Aplicações do silestone

 

Agora que já foi dito o que é silestone, do que é feito e como diferenciá-lo de outros materiais, vamos de falar de sua aplicabilidade.

O silestone é indicado pelos especialistas para ser usado em propostas de decorações de interiores. Essa pedra é excelente para revestimento de bancadas, chãos e paredes de cozinhas e banheiros, por exemplo.

Devido às suas características, o silestone não serve para todo o tipo de local. Tratando-se de pisos, ele só deve cobrir áreas de média e baixa circulação de transeuntes.

Jamais poderá servir para áreas externas ou espaços que fiquem em contato direto com os raios solares. Mesmo assim, não há dúvidas de que o material tem muita beleza e elegância – o que contrabalança com as desvantagens apontadas.

o-que-e-silestone

O que é silestone: Cozinha com silestone branco

o-que-e-silestone-2

O que é silestone: Cozinha com silestone vermelho

Vantagens e desvantagens do silestone

 

Nota-se, numa pesquisa bastante rápida na internet, que o preço do silestone costuma ser um pouco mais caro se comparado com outros materiais.

Isso se deve, primeiro, ao fato dele ser um produto importado para a maioria dos países e segundo, por seu desempenho de altíssima qualidade, oferecendo inúmeras possibilidades decorativas.

O silestone é uma pedra de resistência extraordinária. Ela é bem dura – mais até do que o granito – e tem baixo nível de absorção de água. Aliás, a sua superfície, de fato, é porosa e poderia manchar facilmente com ataques químicos e até infiltração.

Mas, mesmo as peças recebendo uma proteção na camada externa – inclusive antibactericida –, elas precisarão sofrer manutenção periódica – e nada de cloro.

No caso de utilização de água sanitária, deve seguidamente enxaguar com água em abundância, não devendo ficar em contato permanente com a superfície.

– Grupo Cosentino, em reportagem de Tua Casa.

o-que-e-silestone-silestone-em-banheiro-infantil

O que é silestone: silestone em banheiro infantil

Agora, em relação às altas temperaturas, o silestone é capaz de suportar essa condição por curtos períodos de tempo.

Claro que é um fator que também varia de acordo com a espessura e cor escolhida. Mas, em todo caso, não se recomenda expô-lo a uma fonte de calor intensa, como o contato com panelas quentes, por exemplo.

Silestone é apenas uma das várias opções de materiais para seus projetos, veja mais ideias: 4 ideias de revestimentos para deixar o seu projeto moderno e prático.