13 dicas de como usar o LinkedIn para empresas

Uma rede social exclusiva para relações profissionais? Existe! O LinkedIn é uma das redes sociais mais famosas do mundo. Para você ter uma ideia, os CEOs de todas as empresas da Fortune 500 têm perfis no LinkedIn, e mais de 2,6 milhões de empresas têm páginas por lá. Por isso, resolvi escrever esse post sobre como usar o LinkedIn para empresas.

A maior função da rede é a possibilidade da oferta e candidaturas de vagas de trabalho. No entanto, aplicando a estratégia de marketing correta, o LinkedIn pode oferecer muito mais.

Ou seja, o LinkedIn é a rede social que pode ajudar a impulsionar suas metas de crescimentos do seu negócio e alavancar seu reconhecimento na área. Com as nossas 13 dicas, você será capaz de fechar mais projetos e expor o seu trabalho de maneira eficiente.

Mas primeiro, por que usar o LinkedIn na sua estratégia de marketing digital?

 

Para empresas de arquitetura e do ramo de interiores, o LinkedIn é uma ótima ferramenta para construir uma base de networking sólida e prospectar novos clientes do ramo empresarial.

Além disso, é possível interagir com pessoas da mesma área e trocar experiências. Por isso, esteja atento: essas pessoas podem te oferecer conexões para futuros negócios.

Conheça agora 13 dicas para aproveitar o máximo da rede social

 

1. Crie uma página para sua empresa

 

O LinkedIn oferece a possibilidade de criar perfis pessoais e páginas empresariais, de forma bastante semelhante ao Facebook (e se você ainda não criou a sua página, pode seguir o passo a passo completo por aqui de como criar uma página no Facebook).

As páginas empresariais possuem seções específicas para a apresentação de produtos e serviços, e, assim como no Facebook, seus seguidores receberão através do feed todas as atualizações postadas, como frases, status, links e imagens.

linkedin-para-empresas-como-usar-perfil

linkedin para empresas como usar: perfil

2. Rankeie melhor no Google personalizando a sua URL

 

Uma das boas práticas de como usar o LinkedIn para empresas é ter links personalizáveis, pois eles contribuem para que o seu perfil pessoal/profissional seja encontrado com maior facilidade no Google.

Para editar, selecione o ícone de configurações ao lado da URL que o LinkedIn disponibiliza, próximo ao seu avatar.

Páginas empresariais precisam solicitar a alteração da URL no suporte do LinkedIn.

linkedin-para-empresas-como-usar-url

linkedin para empresas como usar: url

3. Quer negócios internacionais? Configure seu perfil em outros idiomas

 

É possível configurar perfis em mais de uma língua no LinkedIn, dentro da mesma URL. Basta clicar na seta ao lado do botão “Ver perfil como” e selecionar a opção “Criar perfil em outro idioma”. As informações serão espelhadas e você poderá traduzi-las para o idioma da sua preferência.

linkedin-para-empresas-como-usar-internacional

linkedin para empresas como usar: internacional

4. Poste fotos! Muitas fotos!

 

Explore a maior característica do seu trabalho: o visual! O LinkedIn não é uma rede social que prioriza o uso das imagens tanto quanto o Pinterest ou o Instagram, mas você também deve aproveitar o espaço para exibir os seus projetos executados.

Movimente sempre o seu perfil e atualize suas fotos com regularidade.

Veja também como escolher fotos para o linkedin.

5. Descreva seu negócio com precisão

 

Diferente do Facebook e Instagram, o LinkedIn é a rede social ideal para que as pessoas busquem mais informações sobre você e a sua empresa. Ou seja, quanto mais informações adicionais você inserir, maior será a sua credibilidade na rede.

É possível inserir descrições, slogans e setores de mercado com os quais você trabalha. 

6. Preencha todos os campos possíveis

 

O LinkedIn realmente permite que você descreva o seu trabalho com profundidade. Tente preencher a maior números de campos possível, para que as pessoas conheçam bem do que se trata o seu negócio e quais são os seus diferenciais. Já trabalhou com causas, organizações filantrópicas e projetos de voluntariado? Considere listá-los também, já que todos os detalhes fazem a diferença no momento de fechar negócio. 

Muita gente peca justamente nesse ponto, pois ainda não sabem como usar o LinkedIn para empresas e deixam de atualizar todos os seus dados, por mínimos que sejam.

7. Crie uma agenda de conteúdos para a rede

 

O Brasil foi o segundo mercado a receber a ferramentas de postagens do LinkedIn, em abril de 2015 e não demorou muito para se tornar líder mundial do uso. O seu perfil no LinkedIn pode ser transformado em um blog.

Isso é perfeito para garantir a sua autoridade na sua área e compartilhar os bastidores das suas experiências no mais variados tipos de projetos, através de pequenos relatos. Ou, quem sabe, fazer pequenas publicações com curiosidades sobre o seu processo e apresentar aos seus seguidores de que você realmente sabe do que está falando.

A vantagem desse tipo de uso da ferramenta, é a possibilidade de se tornar um influenciador: seu perfil será procurado para tirar dúvidas de colegas e leigos na área.

Mas atenção: seguindo essa ideia, você deverá estabelecer uma agenda de conteúdos, com frequência regular e ter muita atenção na redação do conteúdo redigido.

Lembre-se de como usar o LinkedIn para empresas, pois cada detalhe importa, já que a ferramenta é utilizada exclusivamente para relações profissionais. Nenhum conteúdo disponibilizado por lá é mero entretenimento – você será avaliado de um modo geral.

linkedin-para-empresas-como-usar-agenda-de-conteudo

linkedin para empresas como usar: agenda de conteúdo

8. Crie e participe de grupos

 

No LinkedIn, o networking é imprescindível. Por isso, os grupos são tão importantes: neles, profissionais com interesse em determinado tema ou mercado são capazes de abrir fóruns de discussão e trocar experiências de maneira direta.

Participar ativamente desses grupos pode ser uma boa maneira de fortalecer sua marca e a sua posição de referência no mercado. Enquanto isso, a criação de um grupo permite que você envie e-mails para todos os participantes.

Dentro do grupo, preze pelo bom comportamento, não “vendendo” sua empresa, mas contribuindo para o crescimento de todos os participantes com a sua experiência profissional.

Além disso, é importante manter uma boa frequência de interação, para obter resultados relevantes na construção da sua autoridade e reconhecimento. Mas, novamente, prezando pelo bom comportamento e utilizando o bom senso: evite excesso de postagens, ou de e-mails, para não ser o chato do grupo.

linkedin-para-empresas-como-usar-grupos

linkedin para empresas como usar: grupos

9. Melhore o seu posicionamento

 

De acordo com um relatório interno, usuários são quase 50% mais propensos a contratar uma empresa que está no LinkedIn. Através de um perfil bem alimentado, com postagens relevantes e frequentes que explorem o seu potencial, os clientes estarão muito mais propensos a entrar em contato com você quando houver necessidade.

A ferramenta é essencial para que você posicione a sua empresa com clientes de alto valor, realmente interessados em um trabalho de qualidade – como o seu!

Procure adaptar seu conteúdo ao seu público-alvo, para aumentar as oportunidades da sua empresa de construir relacionamentos de referência e atrair novos projetos.

10. Aumentar liderança

 

O valor da sua empresa pode ser explorado na rede social, através de suas publicações e do relacionamento com outros usuários, ao responder perguntas e compartilhar experiências. Isso tudo resulta num nível superior do seu networking e aumento dos seguidores.

11. Relacionamentos relevantes

 

Até aqui, você já deve ter percebido que a maior vantagem de como usar o LinkedIn para empresas de forma correta é o aumento da credibilidade da sua empresa.

Uma credibilidade mais alta significa também que você terá uma oportunidade maior de construir relacionamentos relevantes dentro da rede: quanto mais qualidade sua página tiver, melhor será a sua imagem pública em escala global e maior será também a qualidade dos clientes que você poderá prospectar.

12. Pesquise o seu cliente

 

As pesquisas no LinkedIn podem ser anônimas ou não. Mas, caso opte por realizar uma pesquisa prévia sobre o cliente a ser prospectado, faça isso de modo público.

Você terá informações detalhadas sobre a empresa e seus profissionais que podem ser úteis no momento da prospecção. Quanto mais inteligência você obtiver previamente, maior será sua vantagem para converter um prospecto em cliente.

E melhor ainda se a empresa souber que você fez seu dever de casa, certo?

linkedin-para-empresas-como-usar-pesquisas

linkedin para empresas como usar: pesquisas

13. Gere novos clientes potenciais organicamente

 

É possível fazer anúncios no LinkedIn, mas, seguindo todas as dicas anteriores de como usar o LinkedIn para empresas, o seu perfil será sólido o suficiente para atrair novos seguidores de maneira orgânica e com qualidade, e isso ocorrerá de maneira natural.

Quanto mais conteúdo interessante você publicar, maiores serão suas chances de atrair novos visitantes para sua página, que converterão em trabalhos alinhados ao seu perfil.

Conhece colegas que utilizam o LinkedIn, mas sem aplicar uma estratégia de marketing? Passe o conhecimento adiante de como usar o LinkedIn para empresas de forma correta! Na plataforma, as conexões entre profissionais possuem extrema importância, por isso, ajude a fortalecer suas conexões, para, desse modo, fortalecer também o seu perfil.

Esse post foi escrito por Lucas Fonseca, CEO na agência Casa Oito Digital Intelligence, atuando há aproximadamente 10 anos em Marketing Digital, Campanhas de Mídia (PPC) e Inbound Marketing. Especialista em analisar e, efetivamente, relatar insights de dados que variam de métricas de negócio ao comportamento do usuário e desempenhos de campanhas.