Reforma de casa: como planejar da melhor maneira?

Muitas vezes, desistimos de fazer aquela obra tão desejada em nossa casa por conta do receio de como será, de quanto iremos gastar, de quanto tempo durará, entre outras dúvidas que surgem. Esses questionamentos, entretanto, podem ser resolvidos com um bom planejamento antes de começarmos a sonhada reforma de casa.

O primeiro ponto é ter bem claro o que realmente deseja mudar nessa reforma. Tudo deve estar bem definido. Procure sempre ter muitas imagens de referência e definições claras do que você quer que seja modificado, do que não te agrada mais e do que pode permanecer como está. Com tudo definido, estipule o valor que está disposto a gastar na reforma. Esse é um ponto crucial no planejamento. Nunca deixe de estabelecer essa quantia para não ter surpresas quando a reforma for concluída.

Neste exemplo foi feita a construção de um banheiro, transformando o dormitório em uma suíte, e a inserção de uma parede de drywall revestida com madeira de demolição para a segmentação entre as áreas social e íntima

 

Cuidado com o orçamento da reforma de casa

Conte com uma porcentagem, de 20% em média, que pode ser gasto a mais para eventuais imprevistos. Lembre-se que esse budget deve incluir desde mão de obra e materiais até a parte final de decoração.
Após essa definição, o próximo passo será a contratação de mão de obra. Não tenha pressa, avalie calmamente todos os fornecedores, procure profissionais  dos quais você já viu o trabalho executado, seja na casa do vizinho ou de um parente. O ideal é ter em mãos pelo menos três orçamentos de cada tipo de fornecedor. Assim, você se sentirá mais seguro para fazer a escolha.

Cada profissional irá passar uma lista de materiais que ele precisará para a sua reforma e essa lista deve ser muito bem estudada. Procure comprar em grandes lojas, pois certamente trarão mais benefícios ao comprador, tanto em questão de valores, como segurança na entrega e qualidade de produto. Evite ir sempre atrás dos produtos mais baratos. Na hora de uma reforma, a qualidade do produto conta muito para não ter dores de cabeça futuras. Imagine ter que quebrar toda a parede, depois de pintada e finalizada, porque o cano não suportou?
A compra desses materiais deve ser feita antes de os profissionais entrarem na obra para não haver atrasos.

 

Veja como a inserção do forro de gesso com iluminação, adição de pontos de elétrica e revestimento em pastilhas de inox dá outra cara à cozinha

 

Procure sempre estar atento no andamento da reforma e fazer um cronograma com os fornecedores. Fique de olho para não deixar a obra durar mais do que o previsto. Uma obra sempre acaba mudando toda a rotina de uma casa e, eventualmente, causando um desgaste nos moradores. Então, esteja certo de que eventuais problemas podem ocorrer durante sua reforma, mas o resultado final valerá muito a pena.

 

Bruna Baptista Turquiai Luca, é colaboradora da Revista Viva Decora e faz parte do IBD Arquitetura e Interiores