Elevador Lacerda: 5 curiosidades sobre a obra que mudou o transporte em Salvador

O Elevador Lacerda é um dos ícones da arquitetura brasileira.

Localizado em Salvador, ele cumpre a função de transporte público entre a Praça Cairu, na Cidade Baixa, e a Praça Tomé de Sousa, na Cidade Alta.

O Elevador Lacerda surgiu para solucionar um problema existente desde a origem da cidade: o seu grande desnível. Desde então, além de ajudar os moradores, ele tornou-se um grande patrimônio do local.

O preço do Elevador Lacerda, apenas R$ 0,15, é uma das singularidades desse ponto turístico.

Quer saber mais curiosidades sobre ele? Neste artigo, vamos contar a história do Elevador Lacerda e mostrar o seu antes e depois. Acompanhe!

Elevador Lacerda: História

 

O Elevador Lacerda foi inaugurado no dia 8 de dezembro de 1873.

Elevador Lacerda

Elevador Lacerda

A história do Elevador Lacerda começa a partir de um plano do empresário de transportes Antônio de Lacerda (1834-1885).

Mas antes de falarmos sobre o nascimento do Elevador Lacerda, vamos relembrar porque ele foi criado.

O desnível da capital baiana, chamado de escarpa, foi um problema durante a sua construção, e as dificuldades de locomoção só foram aumentando com o tempo.

No início do século XVII, o uso de guindastes era a única solução para o transportes de cargas pela cidade.

As pessoas precisavam se locomover usando longas escadarias e ladeiras íngremes, o que dificultava muito o dia a dia da população.

Foi só no início do século XIX que o projeto do Elevador Lacerda começou a ganhar vida.

Antônio de Lacerda, com a ajuda do pai (sócio da Companhia de Transportes Públicos) e do irmão (engenheiro), idealizou o projeto.

As obras começaram em outubro de 1869.

Elevador Lacerda em 1878

Elevador Lacerda em 1878

No início, a obra foi batizada de Elevador Hidráulico da Conceição da Praia, conhecida popularmente  “Parafuso”. O nome foi alterado em 1869 para homenagear o seu criador, Antônio de Lacerda.

O Elevador Lacerda tornou-se o principal meio de transporte entre a Cidade Alta, onde está o centro histórico, e a Cidade Baixa, localização das atividades comerciais e financeiras de Salvador.

Veja também: O que é planejamento urbano: a arte de projetar cidades que encantam pessoas

Elevador Lacerda: Arquitetura

 

A construção do Elevador Lacerda foi um grande desafio na época.

Foi necessário perfurar dois túneis na Ladeira da Montanha. Um na vertical, para abrigar a torre, e outro na horizontal, para dar o acesso à rua.

O apelido de “Parafuso” surgiu em referência a uma grande peça em espiral que impulsionava as duas cabines do elevador.

Apesar de toda a inovação, o Elevador Lacerda recebeu críticas na época, especialmente de estrangeiros. Eles apontavam que a obra usava pouco ferro, símbolo do desenvolvimento da engenharia e arquitetura da época.

Quando foi inaugurado, o Elevador Lacerda tinha 63 metros e apenas uma torre com duas cabines. Seu funcionamento era por meio de uma máquina a vapor.

Elevador Lacerda: reforma em 1930

Elevador Lacerda: reforma em 1930

Elevador Lacerda em 1934 (Fonte: site Cidade-Salvador)

Elevador Lacerda em 1934 (Fonte: site Cidade-Salvador)

Em 1930, ele passou por uma grande reforma projetada pelos arquitetos Fleming Thiesen e Adalberto Szilard. A reestruturação também contou com a participação da empresa norte-americana Otis Company.

Foi nessa época que o Elevador Lacerda ganhou mais uma torre e outras duas cabines, além de uma passarela de aço e concreto que conecta todas as estruturas.

Outra mudança significativa foi a inserção de elementos do estilo art déco, como as pilastras e os vãos finos das torres.

Após a reforma, o Elevador Lacerda alcançou 72 metros de altura e passou a ter um vão de 71 metros na passarela. Sua capacidade de transporte passou de 32 para 128 pessoas em uma viagem.

Seu interior também passou por uma modernização, recebendo pisos e paredes de granito, além de catracas eletrônicas.

Veja o antes e depois do Elevador Lacerda:

Elevador Lacerda: antes e depois

Elevador Lacerda: antes e depois

Números do Elevador Lacerda:

 

  • Média de pessoas transportadas todos os dias: 28 mil
  • Recorde de pessoas transportadas no mesmo dia: 33.850 (janeiro de 2019)
  • Número máximo de pessoas por cabine: 25
  • Preço da passagem: R$ 0,15 centavos
  • Duração de uma viagem: 30 segundos

Elevador Lacerda: fotos

 

Veja fotos do Elevador Lacerda:

 

Elevador Lacerda: vista para a Baía de Todos os Santos

Elevador Lacerda: vista para a Baía de Todos os Santos

Elevador Lacerda: passarela

Elevador Lacerda: passarela

Elevador Lacerda: azulejo desenhado (fonte: Correio 24 horas/Marina Silva)

Elevador Lacerda: azulejo desenhado (fonte: Correio 24 horas/Marina Silva)

Elevador Lacerda: catracas

Elevador Lacerda: catracas

Elevador Lacerda: entrada do elevador

Elevador Lacerda: entrada do elevador

5 curiosidades sobre o Elevador Lacerda

 

Agora que você já conhece a história do Elevador Lacerda, veja 5 curiosidades sobre essa obra icônica de Salvador:

1- Primeiro elevador urbano do mundo

 

O Elevador Lacerda é o primeiro elevador urbano do mundo. Quando foi inaugurado, ele também tinha o título de elevador mais alto do mundo.

2- Passageiros pesados

 

Na primeira fase do Elevador Lacerda, os passageiros precisavam ser pesados para garantir a segurança da viagem. Os kilos eram somados até atingir a capacidade permitida.

3- As 5 grandes reformas

 

Ao todo, o Elevador Lacerda passou por 5 reformas até ter a estrutura que conhecemos hoje. Veja o que foi mudado ao longo dos anos:

  • 1906: Eletrificação
  • 1930: Inclusão de mais dois elevadores e uma nova torre
  • Fim da década de 50: Reforma na parte mecânica
  • Início da década de 80: Revisão na estrutura de concreto
  • 1997: Revisão de todo o maquinário elétrico e eletroeletrônico

4- Patrimônio histórico

 

Em 2006, o Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) aprovou o tombamento da obra.

5- Homenagem do Google

 

Elevador Lacerda: Doodle

Elevador Lacerda: Doodle

Em 2018, no aniversário de 145 anos do Elevador Lacerda, o Google criou um Doodle em sua homenagem.

O Elevador Lacerda, sem dúvida, é um marco da arquitetura brasileira. Quer conhecer outra obra que também marcou nossa história? Confira: Quantos metros tem o Edifício Martinelli? Descubra 7 curiosidades sobre a obra!