1. Home
  2. Revista
  3. Tendências
  4. Divisórias com Cobogó: Faça Você Mesmo

Divisórias com Cobogó: Faça Você Mesmo

Criado no Recife (PE), em meados de 1.920, por três engenheiros – um português, um alemão e o outro pernambucano –, com o objetivo de amenizar o clima quente do interior, dentro das casas do nordeste, o cobogó atravessa gerações.

Mais do que ser utilizado naquela época para auxiliar na ventilação e iluminação natural, por ser vazado, ou colocado nas áreas externas, hoje não há limites para utilizá-lo, nos mais diferentes formatos geométricos, e com uma vantagem: você mesmo pode construir uma parede dessas!

Um dos benefícios do elemento vazado (como o cobogó também é conhecido) é que além dele ser utilizado para dar um “up” na decoração, ele também pode ser usado como uma divisória, para separar os ambientes internos ou até mesmo integrá-los, de uma forma mais aconchegante ou sofisticada, seguindo uma linha mais retrô.

Para isso, a pessoa pode contar inclusive com alguns tipos de tijolos vazados de vidro, concreto ou cerâmica (com tintura esmaltada), nas mais diversas cores.

Então que tal aproveitar essas dicas para começar a procurar o seu novo lar? Nesse aspecto, a consultoria de imóveis Frias Neto pode te ajudar, pelo fato de oferecer diferentes tipos de imóveis à venda em Piracicaba, que podem ser adaptados a essas ideias com o cobogó, antes de você se mudar. Confira!

Faça você mesmo – DIY

cobogo-faca-você-mesmo

Além de bonito e funcional, a aplicação do cobogó também é relativamente simples, se forem tomados alguns cuidados.

Para começar, depois de escolher o seu modelo de tijolo vazado, você vai precisar de:

FERRAMENTAS: como martelo, espátula de pedreiro (para ajudar a fixar o rejunte e deixar a argamassa nivelada), chave de fenda, martelo emborrachado para auxiliar no nivelamento; bucha, recipientes para colocar água e massa, luvas de borracha, material para limpeza, estilete, espaçadores de 10 milímetros para ajudar a manter o espaçamento por igual entre um cobogó e outro, e rejunte.

MATERIAIS NECESSÁRIOS: vergalhões (ferros para a sustentação da parede), de 3 e 16 polegadas, e argamassa.

Mãos à obra

Antes de começar a parede de cobogó ou a divisória é importante verificar as condições do piso. A recomendação é que eles sejam assentados a partir do contrapiso, que geralmente é revestido por cerâmica ou lâminas de madeira. Em qualquer um dos casos, convém deixar um espaço condizente com a largura do elemento vazado.

Outra medida importante, antes de começar a parede de cobogó, é fazer os furos (no chão ou na parede), com uma furadeira, para que sejam colocados os vergalhões (de 3 e 16 polegadas), responsáveis pela sustentação, com as suas respectivas buchas para fixação. Neste caso, os furos devem ser feitos no chão e no teto, caso a parede de tijolos vazados seja nesse formato, e acompanhados da aplicação da argamassa.

Dica: os furos devem ser feitos a cada duas fileiras, para que os vergalhões sejam fixados e só depois a estrutura de cobogós seja montada.

Depois disso, reserve 4 litros de água para 20 quilos de argamassa e faça uma mistura, até que ela fique consistente e homogênea. Na sequência, comece a aplicar uma quantidade rasa de massa entre os tijolos vazados. Depois, coloque o nivelador para averiguar se os tijolos estão certos e ajuste-os, se necessário. A partir desses passos, basta dar sequência.

É importante destacar que os espaçadores são recuados e, por isso, não precisam ser retirados porque não aparecem no rejunte.

Além disso, entre um empilhamento de fileira e outro, conforme a estrutura for ficando maior, convém dar um intervalo de algumas horas para que a massa fixe no cobogó. E para rejuntar, aguarde o prazo médio de 48 horas. Feito isso, é só curtir a sua obra-prima!

Divulgado por: Imobiliária Frias Neto

Confira também:

Fechadura Digital para residencias

Fechadura Digital: Mais Praticidade No Seu Dia a Dia

Academia em casa para ginastica

Academia em Casa: +62 Ideias de Como Montar o Seu Espaço Fitness

Arquitetura Moderna

Conheça o Estilo Moderno da Arquitetura em Belo Horizonte

Sala com parede azul royal com quadros decorativos Projeto de Casa da Grazi

Azul Royal: Saiba Como Usar na Decoração +83 Inspirações

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

wpDiscuz