Saiba quem é o criativo Bjarke Ingels, considerado o Steve Jobs da arquitetura

bjarke-ingels-via-57-vista

bjarke ingels: via 57 vista

Bjarke Ingels é um arquiteto conhecido por criar edifícios complexos, de traços que expressam as linhas presentes no meio ambiente. E se existe um Steve Jobs para a arquitetura, esse alguém é o dinamarquês Bjarke Bundgaard Ingels. Ele é um dos jovens criativos mais inovadores e promissores da atualidade.

Tornou-se mundialmente conhecido por projetar edifícios complexos, que desafiam totalmente convenções e dimensões tradicionais. Suas obras mais famosas podem ser vistas principalmente na Dinamarca, sua terra natal.

Neste post, você vai conhecer:

 

  • A carreira de Bjarke Ingels
  • Seus principais prêmios
  • As características dos projetos de Bjarke Ingels
  • Suas obras mais importantes
  • Alguns livros de Bjarke Ingels

Eu acho que a arquitetura precisa entender a criatividade de forma diferente, não apenas formalmente. Steve Jobs disse que de cada 20 engenheiros um é artista e o resto são engenheiros. Penso que isso pode ser aplicado à arquitetura

– arquiteto Bjarke Ingels, em reportagem de El País.

Confira mais frases de arquitetos famosos:

Como se desenrolou a carreira do arquiteto Bjarke Ingels

 

Bjarke Ingels foi diplomado em arquitetura pela Real Academia Dinamarquesa de Belas Artes, em Copenhague, no ano de 1999. Começou sua carreira trabalhando com o renomado arquiteto Rem Koolhaas, no Office of Metropolitan Architecture, entre os anos de 1998 e 2001.

Em 2005, ao lado de seu colega Julian de Smidt, fundou o estúdio PLOT. E, em 2006, abriu sua própria empresa, a Bjarke Ingels Group – ou, simplesmente, BIG.

Ingels também é co-fundador do grupo de design escandinavo mais influente da história, o KiBiSi. Foi professor em Harvard, Columbia e, mais recentemente, Yale.

Em 2009, o arquiteto, que adora desenhar quadrinhos, publicou uma incrível novela gráfica, chamada de ‘Yes is More’, inspirado em Mies van der Rohe. Já em ‘BIG, Hot to Cold’ – um monograma-manifesto, de 2015 – ele detalha estudos de caso em ambientes extremos.

Quer atingir o nível internacional? Confira os melhores escritórios de arquitetura do mundo.

Confira uma lista de livros de Bjarke Ingels:

 

Desde o início de sua carreira, Bjarke Ingels vem colecionando prêmios e honrarias.

Principais prêmios de Bjarke Ingels:

 

  • Em 2004, recebeu um Leão de Ouro na Bienal de Arquitetura de Veneza;
  • Em 2010, ele foi vencedor do European Prize;
  • Em 2011, foi nomeado pelo Wall Street Journal como ‘Inovador do Ano’;
  • No mesmo ano, ganhou o Architecture Festival Housing Award;
  • Em 2012, ganhou um concurso de projetos para Manhattan, após a passagem do furacão Sandy.

Bjarke Ingels também foi convidado a palestrar na conferência TED Talks em diversas oportunidades diferentes.

Quais são as características dos projetos de Bjarke Ingels

 

Repensar a arquitetura implica estar preparado para aceitar estranhezas

– Bjarke Ingels, em reportagem de El País.

Os projetos liderados por Bjarke Ingels apresentam um design verdadeiramente extravagante – quase surreal.

Seus edifícios costumam ter formas que lembram montanhas e até flocos de neve, com traços que expressam as linhas presentes no meio ambiente.

Suas ideias consideram, acima de tudo, a vida humana e suas relações – como com a paisagem, os conceitos sociológicos, o contexto econômico e ambiental.

Arquitetura trata de se certificar de que nossas cidades e prédios combinem com a maneira que nós queremos viver nossas vidas: o processo de manifestar nossa sociedade no mundo físico

– Bjarke Ingels, em reportagem de Gazeta do Povo.

Em seu discurso, quase sempre, Ingels enfatiza a necessidade das escolas discutirem mais as questões importantes que enfrentamos. Ele expõe ideias sobre uma arquitetura híbrida, verde, voltada à “sustentabilidade hedonista”, que pode ser tanto linda quanto responsável.

Ele cita que a arte pode ter dois lados. Um praticamente inconcretizável e utópico e outro muito previsível e chato. E é bem no meio disso que ele pretende ficar.

Sou muito mais inspirado pelo profano e pelos eventos cotidianos da vida humana do que por discursos artísticos ou estéticos. As estruturas e a organização no mundo estão constantemente se desenvolvendo. Todas as condições sociais, econômicas, políticas e culturais estão mudando. Sempre que nós intervimos como arquitetos, temos uma chance de dar forma física a essas estruturas invisíveis. O que demanda muito interesse, cuidado e respeito, uma vez que a arquitetura não está aqui só para os arquitetos. É um sistema de referência para todos

– Ingels, em reportagem de Gazeta do Povo.

Quer conquistar mais clientes? Confira este ebook:

ciclo-do-encatamento

As obras mais importantes de Bjarke Ingels

 

bjarke-ingels-islands-brygge-harbor-bath

bjarke ingels: islands brygge harbor bath

Bjarke Ingels já trabalhou com projetos de várias escalas e diferentes aspectos do design, desde o planejamento de interiores, ao de paisagem.

Ele já participou da concepção de propostas de móveis, como a cadeira Shangai, à construção de arranha-céus e estádios. Um arquiteto reconhecido pelo ótimo desenvolvimento de moradias urbanas, como a ‘casa 8’, e pela série de piscinas ‘Islands Brygge Harbor Bath’, em Copenhague, na Dinamarca.

bjarke-ingels-8-house

bjarke ingels: 8 house

bjarke-ingels-8-house-noite

bjarke ingels: 8 house noite

Dentre seus projetos mais famosos, selecionamos os mais relevantes.

Principais projetos de Bjarke Ingels:

 

  • O conjunto de apartamentos ‘The Mountain’,
bjarke-ingels-the-mountain

bjarke ingels: the mountain

  • O parque Superkilen e a planta de resíduos de energia da Amager Bakke, em Copenhagen;
bjarke-ingels-parque-de-superkilen

bjarke ingels: parque de superkilen

  • Os apartamentos VIA, em Manhattan, Nova York;
bjarke-ingels-via-57

bjarke ingels: via 57

  • O pavilhão Dinamarquês na exposição mundial em Shangai 2010;
bjarke-ingels-pavilhao-dinamarques-2010

bjarke ingels: pavilhão dinamarquês 2010

  • A sede do Google North Bayshore, na Califórnia.

Como é o plano de Bjarke Ingels para o novo World Trade Center

 

bjarke-ingels-two-world-trade-center

bjarke ingels: two world trade center

Após o atentado de Onze de Setembro de 2001, Nova York realizou um concurso de propostas para a substituição do seu complexo de edifícios de escritórios que havia sucumbido.

Inicialmente, o trabalho escolhido foi o da empresa britânica Foster and Partners (do arquiteto Norman Foster). Mas, por fim, a proposta de Ingels foi a executada. Trata-se de uma estrutura monolítica de vidro refletido, que se afunila à medida que sobre.

Ela tem 541,3 metros e está, hoje, entre os edifícios mais altos do mundo.

Além de talento e ousadia, Bjarke Ingels se comunica muito bem e criou um estilo próprio, uma proposta de valor que atrai diversos interessados em desenvolver projetos com ele.

E você? Qual sua proposta de valor? Qual diferencial oferece a seus clientes?

Está difícil responder a essas perguntas? Então conheça o site Viva Decora PRO Academy e seus curso online especialmente desenvolvidos para designers de interiores e arquitetos que querem conquistar clientes e divulgar seu trabalho e seu talento.