1. Home
  2. Revista
  3. Modelos de casa
  4. Projeto de casas de veraneio para curtir a vida

Projeto de casas de veraneio para curtir a vida

Um sonho comum da maioria das pessoas é ter a segunda casa. Seja na praia ou no campo, esse recanto proporciona uma rotina diferente à do dia-a-dia e por isso seu projeto se embasa em outras premissas.  Primeiramente, é importante definir qual será a função dessa casa – relaxar, receber familiares e amigos, ser o ponto de partida para a prática de um hobby, etc. Somente depois é hora de partir para a definição do conceito a ser explorado.

A segunda casa é uma oportunidade de expressar e explorar um lado mais leve da vida. Ela fica uma delícia quando dispõe de clima mais leve e descontraído. É preciso estabelecer outro ritmo, sem pressa ou pressão. O ambiente tem de ser aconchegante, alegre e convidativo ao uso e convívio. O uso de cores vibrantes, estampas diversas e materiais naturais, como barro, madeira, corda e algodão podem ajudar a compor essa atmosfera mais bucólica. A integração com o ambiente externo, através de varandas e explorando as vistas, é mais que bem-vinda.

Veja como planejar um projeto de casas de Veraneio

Ainda para contribuir com esse ritmo mais lento e despojado é interessante dividir os espaços de modo a abrigar diversas atividades simultaneamente. Assim, enquanto um grupo joga cartas ao redor de uma mesa de jogos, outro conversa no sofá, e uma outra pessoa pode ler deitada confortavelmente em uma chaise longue em frente à lareira ou deitada numa rede aproveitando a brisa do mar.

O projeto de casa também deve ter uma manutenção prática para que não se pense duas vezes antes de usá-la. Por exemplo, em cozinhas ou churrasqueiras que são usadas todos os finais de semana é preferível guardar louças, talheres e utensílios em armários fechados para evitar o pó. Os objetos expostos para decoração (panelas, louças, etc.) devem ser meramente decorativos.

A área dos quartos deve ser versátil. A sugestão é manter quartos determinados para os proprietários ou usuários frequentes (exemplo: filhos) e quartos de hóspedes para usuários sazonais (exemplo: netos e amigos). Os quartos fixos devem ser mais funcionais, com armários maiores, poltronas, blackouts nas janelas, e demais necessidades conforme cada caso. Já nos quartos de hóspedes é possível apostar em cores ou até mesmo num tema que o morador goste, mas que tenha medo de enjoar e por isso não usou na sua casa principal.

Em casas onde há piscina, o piso ao redor dela – e em varandas ou salas próximas e de uso integrado – deve ser antiderrapante para evitar quedas. Os estofados, por sua vez, devem ser revestidos com tecidos impermeáveis. Alguns objetos de uso diário podem ser explorados com o apelo decorativo nas ambientações. Uma sugestão é guardar chapéus, chinelos ou galochas em um móvel próximo a entrada da casa para serem usados pelos moradores e hóspedes.

O lema principal de uma casa de veraneio é ver a hora passar, sem pressa, e desfrutar do melhor da vida!

silvia_pedroso Silvia Pedroso Xavier é colaboradora da Revista Viva Decora e diretora da ABD Regional PR e arquiteta formada pela UFPR

 

Equipe Viva Decora

Conteúdo exclusivo da Viva Decora. Você, profissional de interiores ou de paisagismo, que gostaria de escrever para a Viva Decora, envie um e-mail para bianca.alvarenga@vivadecora.com.br

Confira também:

65697- modelos de casas -alphaville-k1-02-sq-arquitetos-associados-viva-decora

+100 Modelos de Casas para Inspirar o seu Projeto

decoração rústica para sala com parede de vidro e parede revestida com pedras foto-pinterest

Decoração Rústica para Casa de Campo

Casa na árvore com escada circulando a árvore

Casa na Árvore: +35 Modelos Para Você Se Inspirar!

decoração apartamento pequeno com cores claras

Apartamento Pequeno: Acerte no Tipo de Decoração do Imóvel

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

wpDiscuz