O Que é Arquitetura Pós-Moderna? Conheça a História + 10 Obras Impactantes

Arquitetura pós-moderna é um movimento de contraponto à arquitetura moderna que vigorou entre o fim dos anos 60 até a década de 90. Seus apoiadores tinham como objetivo questionar conceitos usados por arquitetos modernistas e propor novas ideias para as cidades. O uso de cores fortes, formas assimétricas e do humor são algumas das características desse estilo.

Se a frase “menos é mais”, de Ludwig Mies van der Rohe, resumiu bem o conceito da arquitetura moderna, temos outra que define a opinião dos arquitetos pós-modernistas (dita por Robert Venturi): “menos é chato”. Essa oposição de ideias trouxe obras marcantes e reflexões que ajudaram no desenvolvimento da arquitetura no final do século XX. Quer aprender mais sobre o assunto?

No post de hoje, vamos explicar com mais detalhes o que é a arquitetura pós-moderna e mostrar 10 obras que chamaram a atenção do mundo. Boa leitura!

O que é arquitetura pós-moderna?

Arquitetura pós-moderna é um movimento de contraponto à arquitetura moderna que vigorou entre o fim dos anos 60 até a década de 90. Seus apoiadores tinham como objetivo questionar conceitos usados por arquitetos modernistas e propor novas ideias para as cidades. O uso de cores fortes, formas assimétricas e do humor são algumas das características desse estilo.

No final dos anos 90, a arquitetura pós-moderna dividiu-se em várias outras tendências como a arquitetura high-tech, neo-futurista e desconstrutivista.

Veja também: Bauhaus – a escola que revolucionou a arquitetura moderna

Qual é a origem da arquitetura pós-moderna?

A história da arquitetura pós-moderna começa nos anos 60, quando as críticas à arquitetura moderna ganham força. A publicação do livro Complexidade e Contradição em Arquitetura (1966), escrito pelo arquiteto Robert Venturi, é um ponto de partida para esse movimento que apontava falhas na arquitetura moderna.

Além dele, outros nomes como Jane Jacobs, Philip Johnson e Michael Graves alegavam que o estilo moderno na arquitetura era impessoal e ignorava a história e a cultura dos locais onde aparecia. Para esse grupo, a falta de ornamentos e o excesso de uniformidade também eram aspectos negativos da arquitetura moderna.

Diante desse contexto, a arquitetura pós-moderna traz várias propostas que contrapõem os conceitos da arquitetura moderna, como dar ênfase primária a fachadas, incorporar elementos históricos, apostar em elementos decorativos, entre outros.

Vale destacar que o livro Aprendendo com Las Vegas (1972), escrito por Steven Izenour, Denise Scott Brown e Robert Venturi, é outra obra que ajudou a fomentar o desenvolvimento da arquitetura pós-moderna. Trata-se de um estudo da cidade de Las Vegas que busca trazer um novo ponto de vista sobre a cidade e a arquitetura.

Agora que você já sabe o que é arquitetura pós-moderna e quando ela surgiu, veja quais são suas características.

Veja também: O Que é Arte Urbana? +20 Murais de Grafite Que Você Precisa Ver

Quais são as principais características da arquitetura pós-moderna?

Formas curvas, elementos decorativos, assimetria, cores vivas e referências marcantes de estilos arquitetônicos anteriores são algumas das principais características da arquitetura pós-moderna.

Edifícios criados com o conceito do pós-modernismo costumam ser divididos em várias estruturas e formas diferentes. Cada uma delas pode representar uma parte da edificação, às vezes usando materiais e estilos diversificados.

Outra característica bastante presente na arquitetura pós-moderna é o uso do humor, principalmente em obras nos EUA. Um exemplo é o Edifício Binóculos, no bairro de Veneza, em Los Angeles, projetado por Frank Gehry em colaboração com o escultor Claes Oldenberg. O portal do edifício está na forma de um enorme par de binóculos; carros entram na garagem passando por baixo dos binóculos.

Veja também: Arquitetura industrial: O Que É, Principais Características e Exemplos

Arquitetura Pós-moderna Edifício Binóculo, de Frank Gehry em colaboração com o escultor Claes Oldenberg (foto Tendencee)

4. Arquitetura Pós-moderna: Edifício Binóculo, de Frank Gehry em colaboração com o escultor Claes Oldenberg (foto: Tendencee)

Veja também: Simetria – O Que É, Tipos + Exemplos na Natureza e Arquitetura

Arquitetura pós-moderna: obras famosas

 

Vanna Venturi House (1962-64), de Robert Venturi

A Vanna Venturi House é uma das primeiras obras da arquitetura pós-moderna. O projeto ganhou o prêmio AIA Twenty-Five Year e foi considerado uma obra prima da arquitetura americana moderna.

Uma das características mais marcantes dessa casa icônica é o seu telhado. Em vez das duas águas se encontrarem e formarem um pico, o que é o comum nesse tipo de construção, elas têm uma fenda no meio. Trata-se de um confronto à ideia do telhado plano, tão difundida na arquitetura moderna.

Arquitetura pós-moderna Vanna Venturi House, de Robert Venturi foto Maria Buszek

1. Arquitetura pós-moderna: Vanna Venturi House, de Robert Venturi (foto: Maria Buszek)

AT&T Building (1984), de Philip Johnson e John Burgee

Assim como a Vanna Venturi House, o AT&T Building marcou a história do pós-modernismo na arquitetura. Sua estética contrastou com outros arranha-céus que foram erguidos no centro de Manhattan (Nova York/EUA) nos anos anteriores, fato que trouxe grande repercussão na mídia.

Os floreios ornamentais, o frontão interrompido e o revestimento de granito rosa são as características mais marcantes dessa obra de arquitetura pós-moderna. Uma curiosidade sobre Philip Jonhson é que ele foi o primeiro arquiteto a ganhar o Prêmio Pritzker, considerado o Oscar da arquitetura.

Arquitetura pós-moderna Sede da AT & T, de Philip Johnson e John Burgee foto foto David Shankbone

2. Arquitetura pós-moderna: Sede da AT & T, de Philip Johnson e John Burgee (foto: David Shankbone)

SIS Building (1994), de Terry Farrel

Vamos falar sobre a arquitetura pós-moderna na Europa? O SIS Building é uma das obras mais famosas e traz muitas características do estilo. O prédio, próximo ao Tâmisa, é a sede do Serviço Secreto de Inteligência Britânico.

Logo de cara, ele chama a atenção por suas formas assimétricas e cor verde. Em 1992, jornal The Guardian o descreveu como “epitáfio para a arquitetura dos anos 80”.

Arquitetura pós-moderna Edifício SIS em Londres, de Terry Farrell foto Tony Grant

3. Arquitetura pós-moderna: Edifício SIS em Londres, de Terry Farrell (foto: Tony Grant)

Veja +6 obras incríveis da arquitetura pós-moderna 

Lipstick Building, de John Burgee Architects com Philip Johnson foto Evan Joseph Uhlfelder

5. Arquitetura pós-moderna: Lipstick Building, de John Burgee Architects com Philip Johnson (foto: Evan Joseph Uhlfelder)

Arquitetura pós-moderna Team Disney Building, de Arata Isokazi foto Xinai Liang

6. Arquitetura pós-moderna: Team Disney Building, de Arata Isokazi (foto: Xinai Liang)

Arquitetura pós-moderna Piazza D'Italia, de Charles Moore foto The Charles Moore Foundation

7. Arquitetura pós-moderna: Piazza D’Italia, de Charles Moore (foto: The Charles Moore Foundation)

Arquitetura pós-moderna loja Schullin Jewelty, de Hans Hollein foto httphiddenarchitecture.net

8. Arquitetura pós-moderna: loja Schullin Jewelty, de Hans Hollein (foto: hiddenarchitecture.net)

Arquitetura pós-moderna arranha-céu Messeturm, de Helmut Jahn

9. Arquitetura pós-moderna: arranha-céu Messeturm, de Helmut Jahn (foto: Hocthtief)

Arquitetura pós-moderna PPG Place, de Philip Johnson foto The Red List

10. Arquitetura pós-moderna: PPG Place, de Philip Johnson (foto: The Red List)

Qual dessas obras da arquitetura pós-moderna é a sua favorita? Compartilhe com a gente nas redes sociais!

Comentários

comentários em "O Que é Arquitetura Pós-Moderna? Conheça a História + 10 Obras Impactantes"