Confira 4 dicas para criar iluminação de cozinha perfeita

A iluminação de cozinha, além de trazer segurança para o morador, deixa o ambiente mais especial e aconchegante.

As opções para o projeto luminotécnico desse ambiente são várias, é possível usar desde os spots mais simples até os pendentes mais sofisticados.

A rotina na cozinha varia muito de cliente para cliente, por isso é fundamental entender quais são as soluções ideais de acordo com cada situação.

Para te ajudar a criar a iluminação de cozinha dos sonhos, no post de hoje trouxemos 4 dicas práticas e 20 ideias de iluminação para cozinha. Acompanhe!

Qual a importância da iluminação de cozinha?

A cozinha é um espaço de bastante movimentação, por isso é fundamental contar com a iluminação para facilitar o dia a dia.

A primeira vantagem da iluminação de cozinha é em relação à segurança, já que o morador precisa manusear facas, fogão e outros objetos que exigem cuidados.

Uma boa iluminação de cozinha evita acidentes e torna as atividades mais práticas e rápidas.

Além disso, a iluminação de cozinha torna o ambiente mais agradável na hora de fazer uma refeição ou até mesmo receber convidados.

A luz certa pode trazer conforto, aconchego, elegância, entre outras percepções. Tudo vai depender da temperatura de luz utilizada.

Mas, afinal, qual é a temperatura de luz ideal para iluminação de cozinha?

Veja também: Saiba tudo sobre a NBR 5410 e evite acidentes elétricos

Luz Quente ou Luz Fria: qual usar na iluminação de cozinha?

Tanto a luz quente como a luz fria podem ser usadas na iluminação de cozinha. A escolha vai depender de como é a rotina do cliente.

A luz fria traz mais contraste para o ambiente, ou seja, o morador consegue enxergar com mais facilidade onde está cada objeto e tem uma visão geral melhor.

Diante desse contexto, caso o cliente cozinhe todos os dias e quer uma opção prática e econômica, a luz fria é a opção ideal.

Iluminação de cozinha: luz fria traz praticidade (foto: Chic&Comfy)

Iluminação de cozinha: luz fria traz praticidade (foto: Chic&Comfy)

Veja também: Farm Sink: Conheça Essa Cuba e Faça Uso Dela no Seu Projeto

A luz quente para iluminação de cozinha é indicada quando o foco do ambiente é fazer refeições rápidas, receber amigos e criar um espaço mais aconchegante.

Iluminação de cozinha: luz quente sobre a mesa traz aconchego (fonte: @inarquiteturaeinteriores)

Iluminação de cozinha: luz quente sobre a mesa traz aconchego (fonte: @inarquiteturaeinteriores)

Uma curiosidade é que a temperatura da cor pode alterar a cor dos alimentos. O excesso de luz fria na carne vermelha, por exemplo, pode deixá-la mais escura, um tanto arroxeada, dando até mesmo a impressão de estar estragada. O mesmo vale para outros tipos de alimentos.

Por isso, muita atenção na hora de escolher a iluminação de cozinha de acordo com a rotina do cliente.

Veja também: Entenda a diferença entre luz quente e luz fria e crie a iluminação perfeita!

4 dicas práticas para iluminação de cozinha

 

1- Escolha mais de uma fonte de luz

Um dos principais erros de iluminação de cozinha é usar apenas uma iluminação central para todo o ambiente.

Ao apostar em um único ponto de luz, corre-se o risco de deixar o ambiente muito cansativo devido ao brilho em excesso.

A luz direcionada em móveis e revestimentos valoriza a decoração e deixa o espaço mais bonito.

Além disso, pontos de luz embutidos ajudam na hora de manusear os objetos e alimentos.

Confira em nossa próxima dica como usar spots de embutir na iluminação de cozinha.

Iluminação de trilho de cozinha sobre a mesa e spot na parede de tijolinho (projeto: Maria Laura Coelho)

Iluminação de trilho de cozinha sobre a mesa e spot na parede de tijolinho (projeto: Maria Laura Coelho)

Veja também: Cozinha de Alvenaria – Veja Dicas Profissionais + 23 Ideias de Cair o Queixo!

2- Utilize spots de embutir

Os spots de embutir podem ser usados tanto no forro do teto como no armário, prateleiras, divisórias e sobre as bancadas.

Esse tipo de iluminação de cozinha valoriza revestimentos diferenciados, móveis e objetos. É essencial que a luz direcionada combine com a luz geral, para não deixar a vista cansada.

Os spots de embutir também ajudam o morador a manusear os objetos de forma mais rápida e segura.

Dê preferência às lâmpadas duplas ou triplas com tonalidade branca. Esse tipo de iluminação de cozinha traz um clima mais moderno ao local.

Iluminação de cozinha: spot de embutir embaixo dos armários

Iluminação de cozinha: spot de embutir embaixo dos armários

Quando falamos de iluminação para pia de cozinha, os spots de embutir são a solução ideal.

Eles são encontrados em diferentes potências. Dessa forma, é possível criar tanto uma iluminação mais forte como mais suave.

Veja também: 15 Estilos de Cozinhas Para Você Ver Antes de Começar o Projeto

3- Aposte em pendentes

Os pendentes costumam ser utilizados na iluminação de cozinha para iluminar bancadas ou mesas de ambientes mais amplos.

Eles devem ser proporcionais ao tamanho do espaço e podem variar de tamanhos e modelos.

Se o cliente tem uma bancada que integra a cozinha e a sala, um pequeno pendente também é uma solução interessante para criar uma iluminação de cozinha direta e aconchegante.

Iluminação de cozinha: pendentes dourados sobre bancada (foto: decordove)

Iluminação de cozinha: pendentes dourados sobre bancada (foto: decordove)

Como a cozinha é um ambiente que gera gordura e fumaça, é importante evitar muitos detalhes ou acabamentos em tecido no pendente.

Uma dica para facilitar a limpeza é escolher peças com tampas ou cúpulas removíveis.

Importante: Não esqueça de respeitar a distância de 0,9 a 1 metro entre o pendente e o tampo da bancada.

Veja também: 15 Estilos de Cozinhas Para Você Ver Antes de Começar o Projeto

4- Aproveite as fitas de LED

Quando falamos de ideias para iluminação de cozinha, as fitas de LED são uma tendência muito pedida pelos clientes.

Uma dica é criar rasgos em linhas paralelas, criando uma iluminação de cozinha prática, uniforme e sofisticada. Nesses casos, a sugestão é usar um perfil de LED.

Iluminação para pia de cozinha: fita de led embaixo do armário (foto: Revista Viva Decora)

Iluminação para pia de cozinha: fita de led embaixo do armário (foto: Revista Viva Decora)

As fitas de LED também pode ser usadas para iluminar armários, prateleiras e bancadas. Quando instaladas na parte de baixo dos armários, por exemplo, ajudam a localizar os alimentos e utensílios.

As fitas de LED também podem ser usadas dentro dos próprios móveis da cozinha, facilitando ainda mais o manuseio de objetos.

Veja também: Como funciona fita de LED? Veja como calcular e escolher a fonte driver da fita para o seu projeto

Assista o vídeo com mais dicas de especialista para iluminação de cozinha

20 ideias de iluminação para cozinha

Agora que você já conferiu nossas dicas, veja 20 ideias de iluminação para cozinha que vão encantar o cliente:

Iluminação de cozinha: pendentes coloridos sobre a mesa (projeto: Guardini Stancati Arquitetura + Designer)

Iluminação de cozinha: pendentes coloridos sobre a mesa (projeto: Guardini Stancati Arquitetura + Designer)

iluminação para pia de cozinha: bancada preta e fita de led

iluminação para pia de cozinha: bancada preta e fita de led

iluminação para pia de cozinha: fita de led destaca revestimento com textura

iluminação para pia de cozinha: fita de led destaca revestimento com textura

iluminação para pia de cozinha: fita de led sobre pia pequena (projeto: Giovana Ciacco Interiores)

iluminação para pia de cozinha: fita de led sobre pia pequena (projeto: Giovana Ciacco Interiores)

Iluminação para cozinha: pendente sobre bancada de pedra (projeto: @dzstudioarquitetos)

Iluminação para cozinha: pendente sobre bancada de pedra (projeto: @dzstudioarquitetos)

Iluminação de trilho na cozinha: decoração preta e cinza

Iluminação de trilho na cozinha: decoração preta e cinza

Iluminação de trilho na cozinha em decoração clean (foto: casa.com.br)

Iluminação de trilho na cozinha em decoração clean (foto: casa.com.br)

Iluminação de cozinha: spots embutidos sobre bancada de mármore

Iluminação de cozinha: spots embutidos sobre bancada de mármore

Iluminação de cozinha: spots embutidos em armário (foto: homify)

Iluminação de cozinha: spots embutidos em armário (foto: homify)

iluminação de cozinha: pendentes e plafons (foto: Ilumisul)

iluminação de cozinha: pendentes e plafons (foto: Ilumisul)

Iluminação de cozinha: pendentes, abajur e fita de led sobre o armário (projeto: Cristina Bozian)

Iluminação de cozinha: pendentes, abajur e fita de led sobre o armário (projeto: Cristina Bozian)

Iluminação de cozinha: pendentes amarelos e spot embutido no teto (projeto: Raduan Arquitetura)

Iluminação de cozinha: pendentes com fundo amarelo e spot embutido no teto (projeto: Raduan Arquitetura)

Iluminação de cozinha: pendente sobre a bancada que integra cozinha e sala (projeto: Ambientta Arquitetura)

Iluminação de cozinha: pendente sobre a bancada que integra cozinha e sala (projeto: Ambientta Arquitetura)

Iluminação de cozinha: pendente e rasgo de luz com fita de led

Iluminação de cozinha: pendente e rasgo de luz com fita de led

Iluminação de cozinha: pendente vazado e fita de led sobre a bancada (projeto: Hiperbato Arquitetura)

Iluminação de cozinha: pendente vazado e fita de led sobre a bancada (projeto: Hiperbato Arquitetura)

Iluminação de cozinha: fita de led sobre a bancada

Iluminação de cozinha: fita de led sobre a bancada

Iluminação de cozinha: fita de led sobre a bancada de madeira

Iluminação de cozinha: fita de led sobre a bancada de madeira

Iluminação de cozinha: fita de led em cozinha integrada (foto: Viva Decora)

Iluminação de cozinha: fita de led em cozinha integrada (foto: Viva Decora)

Iluminação de cozinha: bancada com pendentes de tom cobre (projeto: Deborah Roig)

Iluminação de cozinha: bancada com pendentes de tom cobre (projeto: Deborah Roig)

Iluminação de cozinha: paflon e fita de led

Iluminação de cozinha: paflon e fita de led

Gostou das nossas dicas de iluminação de cozinha? Aproveite para conferir mais posts que vão dar um UP no seu projeto: