Quanto ganha um designer de interiores e como se destacar no mercado

designer-de-interiores-quanto-ganha
designer de interiores: quanto ganha? – equipe
  • Você atua como arquiteto e quer ampliar o escopo de seu escritório incluindo design de interiores?
  • Você já é um profissional de design de interiores e quer descobrir novos nichos de mercado?
  • Ainda é estudante, recém formado, ou está pensando em estudar design e quer conhecer as perspectivas do mercado de trabalho para designers de interiores?
  • Além de tudo isso, quer saber quanto ganha um designer de interiores?

Para os que ainda não iniciaram os estudo, sempre é bom esclarecer: o profissional de design de interiores lida com a parte de decoração, a arte, a estética de interiores, tecidos, mobiliário, revestimentos, distribuição de peças, aproveitamento do espaço e da luz, a distribuição de ambientes e o bem-estar de quem ocupa as edificações, assim como sua funcionalidade, entre outras atribuições.

Na verdade, o termo “Design de Interiores” é relativamente novo no Brasil. Foi oficializado no fim da década de 1990, até então a área era conhecida como “Decoração”, “Arquitetura de Interiores” ou simplesmente “Design”.

Nesta postagem, seja você alguém que pensa em se tornar designer, em ingressar em uma instituição de ensino dessa área ou mesmo se já é um profissional de design de interiores que quer conhecer melhor o mercado, vai conseguir as informações que precisa.

E para aqueles que estão começando, vale à pena dar uma olhada nestes posts de nosso blog antes de iniciar a leitura:

Mas afinal, um designer de interiores, quanto ganha?

 

É evidente que para saber quanto ganha um designer de interiores, vai depender muito de sua área de atuação e de seu tempo e experiência de mercado.

Para ajudar você a descobrir isso, fizemos uma pesquisa em diversos sites de colocação profissional, dados do Ministério do Trabalho e de universidades, e conseguimos trazer alguns números bem interessantes.

Mas fique atento a um detalhe:

Quanto ganha um designers de interiores é muito mais uma questão de desenvolvimento de sua carreira. Quem é assalariado sempre terá um limite correspondente ao valor que seu empregador estipulou. Profissionais autônomos ou que abrem seus próprios escritórios têm mais possibilidades de ganho, se tiverem talento e trabalharem muito. Mas, evidentemente, é preciso ter experiência para alcançar esse nível. Comece como estagiário, depois designer de interiores assalariado, em um bom escritório, e quando se achar preparado, incie sua carreira solo!

Quanto ganha um designer de interiores segundo sites de emprego

 

Pelos dados do LoveMondays, designers de interiores ganham em média R$ 2.833,00 por mês.

No entanto, apontam um salário máximo de até mais de R$ 20.000, o que parece bem interessante, não?

O famoso site de colocação Catho, traz outros números sobre quanto ganha um designer de interiores.

A média salarial no Brasil é de R$ 2.140,10

O site também trás médias salariais no Brasil de quanto ganha um designer de interiores usando outras palvras no campo de busca, veja:

  • Quanto ganha um arquiteto de interiores: R$ 2.592,63
  • Quanto ganha um decorador: R$ 1.569,00

Por fim, o site Trabalha Brasil traz dados bastante completos sobre quanto ganha um designer de interiores, veja:

Designer de interiores: quanto ganha em uma pequena empresa:

  • Trainee: 1.494,63
  • Júnior: 1.718,83
  • Pleno: 1.976,65
  • Sênior: 2.273,15
  • Master: 2.614,12

Designer de interiores: quanto ganha em uma empresa média:

  • Trainee: 1.793,56
  • Júnior: 2.062,59
  • Pleno: 2.371,98
  • Sênior: 2.727,78
  • Master: 3.136,95

Designer de interiores: quanto ganha em uma grande empresa:

  • Trainee: 2.152,27
  • Júnior: 2.475,11
  • Pleno: 2.846,38
  • Sênior: 3.273,34
  • Master: 3.764,34

Quanto ganha um designer de interiores segundo dados da UNIPE

 

Com base em pesquisas da ABD (Associação Brasileira de Designers de Interiores) e também de sites de emprego, a UNIPE (Centro Universitário João Pessoa) faz as seguintes estimativas:

Designer de interiores – quanto ganha um iniciante: média de R$ 2.400,00

Designer de interiores – quanto ganha um profissional com alguns anos de experiência: Mias de R$ 3.000,00, além de bônus por performance.

Designer de interiores –  quanto ganha quem está no topo da carreira: com seu nome já consolidado no mercado, esta universidade estima que a remuneração fica entre R$ 15.000,00 e R$ 20.000,00.

Designer de interiores –  quanto ganha um autônomo: Quem trabalha sozinho, ganha em média R$ 3.670,00, já aqueles que constituíram um escritório e têm colaboradores, ganham em média R$ 6.954,00.

Quanto ganha um designer de interiores segundo o Ministério do Trabalho

 

Segundo dados do site salario,com.br (basados em informações do ministério do trabalho), um designer de interiores ganha,,em média, R$ 1.958,06. Esses dados parecem estra um pouco abaixo da realidade, como vimos nas informações anteriores, porque incluem muitos profissionais em início de carreira, provavelmente.

A mesma fonte indica que o piso salarial de designers de interiores é de R$ 1.390,22.

Além disso, uma curiosidade: designers de interiores, quanto ganham mulheres e homens?

Parece que homens têm um salário médio um pouco maior, de R$ 2.101,76, enquanto mulheres designers de interiores recebem em média R$ 1.820,58.

Quem pode atuar como profissional de design de interiores?

 

Além de profissionais de arquitetura, podem atuar na área aqueles que se formarem em um curso técnico. No ano de 1999, O MEC (Ministério da Educação) desenvolveu e implantou o curso de Nível Técnico em Design de Interiores, com a colaboração da Associação Brasileira de Designers de Interiores (ABD).

Hoje, existe um currículo básico de Competências e Habilidades exigido para a formação do Profissional de Design de Interiores, sendo que cada escola deve usar pelo menos oitenta por cento desse currículo e completar pelo menos vinte por cento com os conteúdos que achar conveniente.

Veja mais dicas sobre a formação de um profissional de design de interiores:

O Crescimento do mercado de trabalho para designer de interiores

 

O mercado de trabalho para designers de interiores está muito em alta. Estima-se que haja em torno de 15 mil profissionais em atuação no Brasil.

E de acordo com o Guia da Carreira, no Brasil este ano (2017) há 96 cursos superiores de design de interiores autorizados pelo MEC: 90 tecnológicos, 2 sequenciais e 4 bacharelados.

O crescimento do setor imobiliário impulsionou e aqueceu o mercado de trabalho para designers de interiores, oferecendo mais vagas e melhores salários para os profissionais, assim como novas áreas de atuação.

Com a ascensão do uso de materiais e soluções sustentáveis e uma maior preocupação com o meio ambiente, a tendência aponta para projetos que levam em conta estas questões e a acessibilidade dos espaços, mas este é apenas um dos vários ramos em que um profissional de design de interiores pode se especializar.

Na verdade, o mercado de trabalho para designer de interiores tem um campo vasto de atividade – o profissional pode lecionar em escolas, montar um escritório próprio, trabalhar em grandes e já famosos escritórios de arquitetura e design e até prestar consultorias avulsas.

Além disso, as lojas de móveis planejados e de decoração são as maiores empregadoras de designers de interiores, pois buscam profissionais que atendam diretamente as dúvidas de seus clientes.

Confira dicas de como atuar no mercado de trabalho de design de interiores:

Designers de interiores para residências

 

designer-de-interiores-quanto-ganha
designer de interiores: quanto ganha? – sala de estar

Uma das áreas mais saturadas, mas que tem um grande mercado. O designer de interiores residências pode atuar em parceria com arquitetos que fazem os projetos das casas, redecorando imóveis prontos ou mesmo apenas alguns cômodos, conforme as necessidades dos clientes.

Designers de interiores corporativos

 

designer-de-interiores-quanto-ganha
designer de interiores: quanto ganha? – escritório

Empresas de diversos portes e segmentos representam um mercado de trabalho promissor para designers de interiores que tenham noções de marketing e consigam transmitir o posicionamento dessas organizações por meio da decoração dos ambientes.

Escritórios de advocacia e sedes administrativas de grandes empresas são o foco dessa área, mas fábricas e outras instalações, muitas vezes, também precisam de um design de interiores adequado e funcional.

Designers de interiores para empreendimentos comerciais

 

designer-de-interiores-quanto-ganha
designer de interiores: quanto ganha? – loja

Lojas e restaurantes são os grandes clientes deste nicho de mercado onde os profissionais precisam ser capazes de adequar estética com funcionalidade.

Uma área que tem chamado muita atenção são as lojas conceito, onde os maiores escritórios de arquitetura do Brasil têm se destacado em projetos como o da loja das Havaianas e da John John.

Área acadêmica

 

designer-de-interiores-quanto-ganha
designer de interiores: quanto ganha? – professor

Fazer um mestrado e em seguida um doutorado pode ajudar não apenas ase aprimorar na profissão, mas a fazer nome para atrair mais clientes. Outra opção é se dedicar de forma mais intensa à docência e pesquisa, dando aulas em faculdades e universidades.

Além disso, este tipo de formação ajuda aqueles profissionais que desejam atuar também como palestrantes, consultores ou mesmo ter um blog com orientações para profissionais da área.

Você pode complementar seus estudos no exterior, veja esta dica: Intercâmbio de arquitetura no exterior: pago ou com bolsa de estudos?

Como você viu, existem diversas áreas de atuação para um designer de interiores e também de médias salarias, por experiência e tamanho da empresa.

O importante é descobrir qual delas é a mais indicada para seus talentos e habilidades e focar seus esforços em oferecer o melhores serviços para seus clientes.

Se você quiser saber mais sobre a melhor maneira de fazer seu negócio deslanchar, baixe nosso material grátis: Ciclo do Encantamento, uma passo a passo de como captar e conquistar clientes para arquitetura e design de interiores.