Le Corbusier: a biografia de um dos mais importantes arquitetos do século XX

le-corbusier-villa-shodhan

Le Corbusier: Villa Shodhan

O verdadeiro nome de Le Corbusier, era Charles-Edouard Jeanneret-Gris, ele foi um grande talento do século XX, de grande influência na arquitetura e urbanismo modernos.

O artista nascido na Suíça era também pintor e escultor. A pintura de Le Corbusier enfatizou formas e estruturas claras, que correspondiam à sua arquitetura e design. Suas ideias ajudaram a formar o que hoje é conhecido como international style e a estética característica do modernismo.

A arquitetura é o jogo sábio, correto e magnífico dos volumes dispostos sob a luz.

– Le Corbusier,

Nesta postagem, entenda mais sobre esta frase e conheça a vida e as principais obras de Le Corbusier que influenciaram a arquitetura moderna.

E não deixe de conferir a biografia de outros famosos arquitetos como, por exemplo, Lina Bo Bardi.

Le Corbusier: biografia do arquiteto que preferia desenhar do que falar

 

Le Corbusier foi uma mente criativa e, graças às suas ideias e seu conceito estético moderno, revolucionou o jeito de pensar sobre arquitetura e design de interiores, com trabalhos projetados para garantir funcionalidade e conforto.

Em 1916 foi morar em Paris onde adotou o pseudônimo Le Corbusier, depois de estudar artes e ofícios em sua cidade natal. Nas diversas viagens que fez mundo afora, o arquiteto entrou em contato com muitos estilos, mas valorizou em especial os da arquitetura grega clássica.

Talvez, por causa de seus estudos prolongados em arte, Corbusier continuou seus estudos em arte e decoração, com a intenção de se tornar um pintor, mas L’Eplattenier, seu professor na época, insistiu para que também estudasse arquitetura, arranjando para ele as suas primeiras comissões de trabalho em projetos locais.

Inspirações e principais obras

 

Em 1907, o arquiteto Le Corbusier fez uma viagem de dois meses e meio para a Itália, onde com certeza teve suas maiores influências para construções.

Muitas de suas inspirações surgiram naquele momento, principalmente em uma visita ao Mosteiro de Galluzzo, que o impressionou pela forma como a organização do espaço evidenciava as suas preocupações sócio-políticas (socialismo utópico).

Corbusier desenvolveu uma vasta atividade acadêmica e teórica e publicou muitos artigos sobre seus estudos voltados para a área da arquitetura. Como urbanista, propôs um modelo urbano que se adequasse à vida moderna e a utilização de materiais diferentes e inovadores, como o concreto armado.

Mais uma de suas frases ilustra bem essa tendência:

Você utiliza pedra, madeira e concreto, e com esses materiais constrói casas e palácios. Isso é construção. A engenhosidade está em ação.

O livro “Vers une Architecture” de Le Corbusier é uma de suas principais obras e mostra uma nova linha da arquitetura, baseada em muitos edifícios antigos que incorporam a razão áurea, uma proporção matemática considerada totalmente harmônica e agradável à visão.

Conheça também a trajetória de Robert Stern: autor de diversos livros e arquiteto favorito das estrelas de Hollywood.

No livro, estão algumas de suas famosas declarações, tais como:

Uma casa é uma máquina para viver.

 Uma rua curva é uma pista de burro. Uma rua reta, uma estrada para os homens.

– Le Corbusier

Le Corbusier chamou muita atenção também no decór, pois desenvolveu modelos clássicos e elegantes para o design de interiores. O acabamento e a decoração, definidos como fins em si mesmos, não seriam necessários, ele mostrou como as pessoas e seus gostos pessoais eram um ponto de partida para o seu raciocínio.

Le Corbusier: principais obras

 

Seria difícil listar as obras mais importantes deste gênio, que tem projetos espalhados pelo mundo todo, não apenas na França, mas também na Argentina, Japão, Índia e diversos outros países.

Por isso, preferimos listar aquelas que foram incluídas como Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco:

Obras na França:

 

  • Unité d’habitation – Marselha
le-corbusier-unite-dhabitation

Le Corbusier: Unite d’Habitation

  • Villa Savoye – Próxima de Paris
le-corbusier-Villa-Savoye

Le Corbusier: Villa Savoye

A Villa Savoye é, inclusive, o símbolo dos cinco pontos da arquitetura moderna desenvolvidos pelo próprio Le Corbusier.

  • Maison La Roche – Paris
le-corbusier-Maison-La-Roche

Le Corbusier: Maison La Roche

  • Immeuble Molitor – Paris
le-corbusier-Immeuble-Molitor

Le Corbusier: Immeuble Molitor

  • Cité Frugès – Pessac
le-corbusier-Cite-Fruges

Le Corbusier: Cite Fruges

  • Usine Claude et Duval Factory – Saint-Dié
le-corbusier-Usine-Claude

Le Corbusier: Usine Claude

  • Cabanon de Le Corbusier – Roquebrune-Cap-Martin
le-corbusier-Cabanon

Le Corbusier: Cabanon

  • Notre-Dame du Haut – Ronchamp
le-corbusier-Notre-Dame-du-Haut

Le Corbusier: Notre Dame du Haut

  • Maison de la Culture – Firminy
le-corbusier-Maison-de-la-Culture

Le Corbusier: Maison de la Culture

  • Dominican Monastery of La Tourette – Lyon
le-corbusier-Dominican-Monastery

Le Corbusier: Dominican Monastery

Obras na Suíça:

 

  • Villa Le Lac – Corseaux
le-corbusier-Villa-Le-Lac

Le Corbusier: Villa Le Lac

  • Immeuble Clarté – Genebra
le-corbusier-Immeuble-Clarte

Le Corbusier: Immeuble Clarte

Obra na Bélgica:

 

  • Maison Guiette – Antuérpia
le-corbusier-Maison-Guiette

Le Corbusier: Maison Guiette

Obra na Índia:

 

  • Capitol Complex – Chandigarh
le-corbusier-Capitol-Complex

Le Corbusier: Capitol Complex

Obra no Japão:

 

  • The National Museum of Western Art – Tóquio
le-corbusier-The-National-Museum-of-Western-Art

Le Corbusier: The National Museum of Western Art

Obra na Alemanha:

 

  • Weissenhof-Siedlung Estate – Estugarda
le-corbusier-Weissenhof-Siedlung-Estate

Le Corbusier: Weissenhof Siedlung Estate

Obra na Argentina:

 

  • Maison Curutchet – La Plata
le-corbusier-Maison-Curutchet

Le Corbusier: Maison Curutchet

Le Corbusier não era um arquiteto de um único talento, o design de móveis também fazia parte de suas atividades, tendo se notabilizado por várias de suas criações. É o que vamos explorar no próximo tópico.

Carlo Scarpa também era um arquiteto com múltiplos talentos. Confira sua história e inspire-se.

Sofás e cadeiras Le Corbusier

 

le-corbusier-sofas-e-cadeiras

Le Corbusier: sofas e cadeiras

Corbusier não era fã de da desumanização dos espaços, mas da maximização da sua funcionalidade, tornando-os capazes de atender a todas as necessidades das pessoas com uma estética agradável e que, ao mesmo tempo, respondesse aos conceitos de eficiência.

Talvez, sua já citada frase: “Uma casa é uma máquina para viver” – traduza isso bem claramente.

O design do Sofá Le Corbusier, por exemplo, foi desenvolvido e pensando principalmente em zelar o conforto e elegância, é uma referência no universo da decoração, sinônimo de estilo e sofisticação. Transmite um toque de modernidade para qualquer ambiente, assim como as cadeiras e poltronas Le Corbusier.

Todos os móveis desenvolvidos por ele trazem quadros de metal e assentos de couro, alguns estofamentos trazem couro de bezerro com cores neutras que trazem um ar de sofisticação e um design clássico que harmoniza com todos os estilos.

Estes móveis, também referidos como “equipamentos”, são a completa representação material dos princípios artísticos de Le Corbusier: os equipamentos dos quais se serve a máquina de viver, a casa.

Le Corbusier era daqueles que fazia questão de amar o que fazia, fazendo sempre o seu melhor para encantar os clientes, com muita inspiração. E, prova disso, é mais esta de suas frases, uma lição para quem quer ser um grande arquiteto:

A arquitetura é um estado de espírito, e não uma profissão.

— Le Corbusier

Quer aprender a encantar seus clientes? Então você precisa conhecer o Viva Decora PRO Academy e aprenda como conquistar seus clientes.

curso ciclo do encantamento